Nossa percepção de mundo e evangelho

Cadê o “nós”? É impossível ser feliz Sozinho.

Que dia é hoje?

Março 2011
S T Q Q S S D
« Fev   Abr »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  


Já faz algum tempo que eu estou incomodado com a ausência do “nós” em nossa sociedade. Mais fico estarrecido e com uma santa indignação como isso tem chegado em nossas igrejas muito fortemente. E temos que lutar contra isso.

Se você ainda não entendeu o que estamos falando, se liga. Estamos presenciando um dos momentos mais pobres da Igreja Brasileira. Estamos deixando entrar em nossas vidas a cultura do “eu” e esquecendo o verdadeiro ensino de Cristo que é o “nós”. Ou seja, só existo no outro, a felicidade do outro é minha felicidade, minha oração sempre é direcionada para o outro, enfim, eu devo viver para você. Isso é o evangelho, isso como diz a galera “é nois”.

É fácil perceber esse evento em nossas igrejas. É só pensar um pouquinho em quantos louvores e quantas pregações hoje são feitas na primeira pessoa. Parece que fazemos um culto ao “eu” ao invés de fazê-lo a Cristo, o Senhor de todos nós. É disso que estamos falando, a valorização do eu e a falência do “nós”. Os hinos são todos “eu posso”, “me da vitória”, “por onde eu for”. Parece que nos esquecemos de cantar “estamos”, “podemos”, “alcançamos”. Estamos abandonando o prazer de estarmos juntos, de compartilhar o pão e a nossas orações.  Estamos simplesmente esquecendo que somos um corpo onde Cristo é a cabeça, e se um de nós padece o corpo adoece, sofre, tem cicatrizes, enfim, como dizia a velha canção “…eu preciso de você e você precisa de mim … até o fim”.

Nossa geração, treinada desde o princípio para ser individualista, está lendo a oração do Pai Nosso e  a transformando nisso:

“Meu Pai que estas no Céu… Venha para mim o Seu Reino… Dá-me o pão de cada dia… Perdoe minhas dívidas … Não me deixe cair em tentação e livre-me do mal”.

Temos que lutar contra isso. Devemos ensinar à nossos filhos, sobrinhos, irmãos em Cristo, sociedade, família, a todos que só existe vida em comunidade. É isso que Cristo nos ensinou e é assim que devemos viver. Somente desta forma estaremos sendo verdadeiros adoradores. De outra maneira morrerei sozinho. Reflita nisso.

Somos todos uma só Corpo em Cristo

Anúncios

Tagged as: , , , , ,

8 Respostas »

  1. Aêee até que eenfim comentei. Perdão pela demora brow. Mas tamo junto vc sabe.

    Cara belo texto. Concordo 100%. Uma das mais importante características da igreja e do cristão é representar a unidade que perdemos. Cristo em João 17 ora ao Pai para que isso aconteça. Para que sejamos Um! Isso não significa ser um comigo mesmo. Mas JUNTOS sermos UM. Uma unidade.

    Parabéns pelo blog cara. Nos vemos na pós.

    Valeu
    Renan

    • Cara.
      Obrigado por vc comentar no blog.
      Sua opinião é super importante pra nós aqui, e certamente nos ajudará e construir algo relevante para a formação de mentes críticas sem perder a fé e a confiança em Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.
      Nos veremos na pós em breve.
      Abraços
      E que nossas vidas sejam somente para serviço do Mestre e Louvor ao Seu Nome.

  2. É isso aí primo! A situação está ficando vergonhosa para os cristãos nos dias atuais.
    Está havendo muita hipocresia no corpo da igreja. Se pregamos “união” para o mundo, frequentemente ocorre termo o “único” dentro da própria igreja.

    • Esse é a alma do texto. Essa nossa diferença entre o discurso e a prática. Temos que viver o evangelho que pregamos. Essa história de faça o que eu digo e não o que eu faço, não combina com o ensinamento de Cristo de sermos Santos igual Ele é.

  3. Nós cristãos já vivemos o individualismo a tanto tempo que infelizmente nem se consegue perceber essa contradição com o modelo que Jesus nos deixou e a prioridade de nossas proprias necessidades e desejos pessoais refletidas em nosso cânticos e modo de viver cristão atual, onde o outro não importa tanto porque “MINHA NECESSIDADE E DESEJO É MAOIR DO QUE A DO OUTRO, AFINAL, EU ESTOU SOFRENDO MAIS, DEUS VÊ ISSO”. Já ouvi músicas onde até rola ameaças de vingança do que Deus fará por quem me ofendeu. Nossa o amor cristão precisa ser resgatado!

  4. Tenho notado isso já faz algum tempo. O que mais me preocupa é que este sentimento do “se a farinha é pouca meu pirão primeiro” tem se instalado em muitos pastores. Homens que deveriam ser exemplo de auto-negação em favor do outro e do próprio Cristo. Não advogo o voto de pobreza, mas não posso aceitar que os chamados para conduzir o rebanho sejam os mais egocêntricos no corpo. PAZ!

    • Pastor Josimar, tenho pedido a cada dia para que Deus não me deixe perder esse prazer de fazer parte do corpo e para que eu não me torne insensível com a dor do próximo, mesmo que esse seja meu inimigo. Acho que nós quanto líderes devemos lutar contra essa indeferença em todo instante.
      Aproveito para colocar-me a disposição do Pastor, precisando é só me chamar.

  5. Gostei do texto, Deivis.

    Estamos numa sociedade individualista. Hoje a Psicanálise se atém a analisar esses efeitos no psique das pessoas.

    Sinto dizer mas essa mentalidade é mais do que uma mera mentalidade. Esse ‘nós’ que falta é uma capacidade psicológica faltante nesses dias, o que leva muitos a desenvolver sintomas psicológicos, Deivis.

    É justamente na percepção do limite que há e do espaço que existe entre eu e o outro que se cria uma relação de respeito e de companheirismo social.

    O outro não mais faz parte das identificações psicológicas das pessoas. O resultado disso é a falta de habilidade psíquica para lidar com frustrações, limitações e com a angústia.

    É no reconhecimento da existência do limite que o outro me impõe que se desenvolve uma psique sadia. Se o outro (nós) falta, falta a saúde psíquica. O limite imposto pela existência do outro é justamente aquilo que delineia o ego.

    Estamos numa sociedade egoísta? É porque falta o outro limitante….

    Gostei do texto.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Postagens Radicias

Indico Mesmo